2 de fevereiro de 2014

RIP Philip

Dias como o de hoje são dias tristes. É sempre estranho quando morrer alguém que nunca conheci pessoalmente mas que me marcou de alguma forma. O Philip Seymour Hoffman era uma dessas pessoas, especialmente por ser uma referência tão grande para qualquer actor que estudou o Method e por fazer parte de um dos meus filmes preferidos, o Magnolia.
E é ainda mais triste saber que morreu na casa-de-banho com uma overdose de heroina (sempre a merda das drogas!) e uma agulha espetada no braço.
Fica aqui uma das minhas cenas preferidas de sempre (que acho já partilhei aqui uma vez), da qual o Philip fez parte.


2 comentários:

  1. Ainda estou a tremer um bocadinho... estava a rezar para que fosse mentira. Grande perda!

    ResponderEliminar
  2. Eu também adorava este ator. Acho que ele me provocava um fascínio que nunca consegui explicar, até porque fisicamente não é dos atores mais bonitos.
    Nem consigo imaginar o que faz uma pessoa auto destruir-se desta maneira, não consigo imaginar o que iria na cabeça dele. Tenho muita pena.

    ResponderEliminar