23 de novembro de 2013

Sobre a história da Pepsi

Eu percebo a indignação inicial, mas acho que depois de três dias já se pode tudo acalmar um bocadinho e seguir em frente. Podíamos era revoltar-nos todos com o encerramento do King, que assim de repente me parece uma questão cultural mais grave que uma má acção publicitária de uma marca qualquer.

4 comentários:

  1. O encerramento do King é muito triste. Gostava do cinema, não só porque vi lá grandes filmes, mas principalmente porque era a antítese de tudo o que representam os cinemas de shopping. São cada vez mais raros em Lisboa os sítios onde se pode realmente respirar *cinema*. É uma pena.

    ResponderEliminar
  2. Vês como podemos estar de acordo, em algumas coisas'
    Totalmente de acordo.
    Muita pena que mais um cinema desapareça...

    ResponderEliminar