1 de fevereiro de 2013

Souvenires de Newark

Hoje fizemos, pela primeira vez, uma coisa que andávamos para fazer há muito tempo: ir ao Seabra, o supermercado português em Newark, comprar coisas de que tínhamos saudades. Quando cheguei e vi à minha frente Compal, Sumol, Água das Pedras e Água do Luso tive um pequeno ataque de histeria, fiquei quase de lágrimas nos olhos e parecia uma criança acabada de entrar no Toys 'r Us pela primeira vez. Acabei por trazer duas embalagens de Chocapic, Cerelac, Nestum, atum Bom Petisco, Compal, Danoninhos, um bacalhau (que me custou 30$!!!), caldo Knorr e Pasteis de Nata. Acho que foi a primeira vez que fiquei comovida com uma ida ao supermercado.
Depois fomos jantar à Marisqueira Seabra (o Seabra tem um império em Newark, que conta com três supermercados e dois restaurantes) e ainda bebi uma Super Bock que me soube pela vida!



22 comentários:

  1. ahaha... são essas pequenas coisas que valem a pena :D

    ResponderEliminar
  2. Liliana m


    E muito fixe ir lá e como se estivéssemos no pingo doce!! E até nos atendem em Portugues lol kando vou aí aos states vou sempre lá!! Ah e tens de ir a ferry street k tem umas pastelarias a moda de Portugal!! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi onde jantei, a Marisqueira Seabra é em Ferry Street! :)

      Eliminar
  3. Estive em NY em 2010 e o meu marido teve que ir a Newark. Tb aproveitei para ir visitar o supermercado e o restaurante Seabra. Portugueses ja restam poucos por aqueles lados, hoje em dia sao mais os brasileiros que ocupam aquele bairro. Mas eu sei perfeitamente o que e viver fora de Portugal e ficar contente por ver bacalhau ou Compal.....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hmm mais ou menos, conheço muuuitos portugueses que moram em Newark :)

      Eliminar
    2. Maria, nao conheceste Newark ha uns anos atras. Tinha muitos mais portugueses do que tem hoje. Havia muitos portugueses que ali viviam que nem sequer falavam uma palavra de ingles porque nao precisavam. Hoje em dia tudo aquilo e uma sombra do que era ha uns anos atras. Os portugueses deixaram de se concentrar em Newark e espalharam-se.
      Beijinhos

      Eliminar
    3. Sim, é verdade que não conheci, falo pelos meus amigos que lá moram... :) beijinhos

      Eliminar
  4. O que é aquela coisinha pequena do benfica ? :)

    ResponderEliminar
  5. Deve saber pela vida encontrar coisas que nos lembram os sabores de casa :)
    Estudei fora de casa, ainda que não em outro país, mesmo assim sentia falta das coisas da minha zona :)

    Beijinho e boa degustação dos produtos made in Portugal :)

    ResponderEliminar
  6. quando ao fim de mais de 6 meses a viver nos states (AZ e CO) encontrei no meio de Santa Fé, NM, um supermercado que vendia Sumol, bolacha Maria, Café Sical e mais uma data de coisas ia enloquecendo.
    Eu e a minha amiga espanhola fizemos a senhor abrir a loja mais cedo só para podermos ir ver e comprar lá coisas.

    ResponderEliminar
  7. Quando fiz erasmus, também senti muita falta das nossas coisas.

    Uma vez fui visitar uma amiga a Itália, que me pediu para lhe levar um bacalhau. Para não o levar juntamente com a roupa, levei comigo num pequeno trolley. Quando foi ao "raio x", disseram-me que era necessário abrir a mala, pois havia um "objecto" que não conseguiam identificar. Foi constrangedor, quando o senhor abre a mala, abre o saco de plástico e saca um bacalhau inteiro que tresandava. Foi bonito.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma amiga trouxe-me Bacalhau à Brás do Pingo Doce congelado na mala de porão e correu tudo bem! :p

      Eliminar
  8. Como eu te compreendo...essa é a minha reacção quando entro na loja de produtos americanos no Via Catarina e encontro os cereais que me encheram a barriga todas as manhãs nos Estados Unidos durante um mês: os Lucky Charms, amo-os de paixão! O entusiasmo foi grande quando os avistei, mas quando cheguei perto e vi que uma caixa das mais pequenas custava oito euros, perdi imediatamente a vontade...
    Conclusão, evito passar nessa bela loja e fico-me pelos Chocapic!
    Se quiseres fazer troca-por-troca, está à vontade ;)

    Inês.

    ResponderEliminar
  9. Gosto principalmente dos Danoninhos =)

    ResponderEliminar
  10. Pequenos nadas que nos sabem a tanto quando estamos longe...
    vidademulheraos40.blogspot.com.

    ResponderEliminar
  11. Se eu te dissesse quanto custa matar saudades do "nosso" querido bacalhau em Luanda... ;) quantos 30$$$$!

    ResponderEliminar
  12. Olá,
    É curioso, eu aqui só me apetece ir à loja americana, Liberty creio eu e encher-me de M&M de todos os sabores e mais alguns, do butterfinger delicioso, e outras coisas mais vindas daí, e tu aí contente por comeres estas coisinhas que te recordam o nosso país. É giro.

    ResponderEliminar
  13. fizeste-me rir com este post. Ainda este fim de semana estive no seabra, mas tb nao vou a Portugal ha mais de um ano e tu ainda por la estiveste:p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há um ano sem comida portuguesa à séria? Acho que o meu estômago emigrava... :p

      Eliminar